Algoritmo na alimentação? Conheça o futuro das dietas

Você já ouviu falar em algoritmos? Eles são os responsáveis por entregar os temas que temos mais interesses e as fotos das pessoas que mais gostamos no Facebook, por exemplo. A partir da análise das curtidas e comentários, essa inteligência cria um padrão e consegue fazer uma entrega de conteúdos que mais nos agrada.

Agora, imagine usar essa tecnologia para guiar uma alimentação mais saudável, desenhada especificamente para você. Pode parecer loucura, mas estudos do Instituo Weizmann, de Israel, já mostram como funcionará o futuro das dietas.

Quantas vezes você já fez uma dieta que funcionou super bem para algum familiar ou amigo seu, mas que não trouxe os resultados esperados para você? O contrário também pode ter acontecido e isso não quer dizer que a dieta é ruim. Ela só não é certa para você.

As dietas para controlar o açúcar do sangue, por exemplo, geralmente são similares. Essas mesmas dietas saudáveis que deveriam manter o açúcar no sangue estável, em algumas pessoas, podem o ter efeito contrário? As pessoas são diferentes de diversas formas; com informações genéticas, estilos de vida e microbiomas intestinais diferentes.

Os cientistas de Israel coletaram dados de saúde e estilo de vida de 800 voluntários, que estavam utilizando um sensor contínuo de glicose. Além disto, os participantes também utilizaram um aplicativo para informar o que e quando se alimentavam, exercícios praticados, sono e outros dados de seus hábitos.

Como o microbioma difere muito entre as pessoas, a resposta glicêmica relacionada à alimentação também pode ser muito diferente. Por isso, o estudo analisou a composição e atividade do microbioma de cada um dos participantes.

Dessa forma, os cientistas descobriram que, quando indivíduos diferentes se alimentavam da mesma comida, eles reagiam de forma diferente. Ou seja, alguns alimentos que eram bons para algumas pessoas, eram ruins para outras.  Assim, foi possível elaborar um algoritmo que pode prever a resposta glicêmica à alimentação destes voluntários, podendo montar dietas personalizadas, que não elevavam a glicemia de forma individual.

O futuro das dietas é personalizado e poderá controlar a glicemia de forma mais efetiva, beneficiando milhões de pessoas ao redor do mundo e prevenindo doenças metabólicas como o diabetes.

 

 

 

Referências:
www.diabetes.org.br
BR 9097. Material destinado a pacientes. Jul/2020
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.