Atenção para o “descontrole” da sua asma

Como já comentamos bastante por aqui, a asma é uma doença inflamatória crônica que não tem cura, mas pode ser controlada com o tratamento e acompanhamento médico correto. Para ajudar você nessa missão, hoje vamos falar sobre a atenção que você precisa ter para não deixar a sua asma sair do controle.

As causas da asma não são comuns a todos, cada pessoa pode apresentar um tipo diferente de sensibilidade para os gatilhos existentes. Por isso, é importante entender o que motiva as crises da sua asma e reconhecer os principais sintomas.

As crises de asma são caracterizadas por alguns sinais como chiado no peito, falta de ar, tosse seca e uma sensação de aperto no peito. Essas crises acontecem geralmente na parte da noite e no início da manhã.

Alguns fatores podem desencadear as crises:

  • Ácaros presentes na poeira;
  • Pelos de cães e gatos;
  • Fungos (mofo).
  • Infecções virais: resfriados, gripes;
  • Aquecedores e fogões a gás;
  • Fumaça de cigarro;
  • Odores fortes (perfumes, produtos de limpeza, tinturas etc.);
  • Refluxo gastresofágico;
  • Algumas medicações, alimentos;
  • Tabagismo;
  • Descontrole emocional também pode agravar os sintomas da asma e desencadear uma crise.

Outro fator que pode agravar as crises de asma é o tempo frio, pois as temperaturas mais frias tendem a desencadear crises.

Isso, juntamente com toda a poluição e sistema imunológico enfraquecido pode aumentar as incidências de crises de asma. Por isso, quando estiver frio evite exposição aos alérgenos, mantenha-se hidratado, evite o contato com pessoas doentes e tome seus medicamentos corretamente conforme orientação médica.

Não há uma receita prática para se evitar crises de asma, no entanto, alguns cuidados podem auxiliar a evitar o “descontrole da sua asma” e as ocorrências de crises asmáticas:

Cuidados pessoais e com o ambiente podem te ajudar com a prevenção de possíveis crises. Uma das preocupações mais importantes está relacionado aos ácaros da poeira domiciliar, uma vez que são um dos fatores desencadeantes da asma alérgica.

Por isso, são necessárias algumas medidas de controle e higiene ambiental, tais como:

  • Manter o ambiente o mais arejado e limpo possível;
  • Possibilitar a entrada de luz solar e mantenha o ambiente ventilado;
  • Evitar animais domésticos;
  • Ter uma atenção especial ao quarto de dormir, mantenha roupas de cama sempre lavadas. O ideal é que as roupas de cama sejam lavadas toda semana;
  • Evite cortinas, tapetes, carpetes, e bichinhos de pelúcia;
  • Evitar excesso de mobília (quanto mais simples melhor);
  • Encape travesseiros e colchões com material impermeável e fechado, isso isola os ácaros dentro e não permite que eles saiam e cheguem ao lençol e fronha;
  • Identifique focos de umidade, infiltrações nas paredes e mofo e resolvê-los;
  • Evite fumar ou ficar ao lado de pessoas que estejam dentro de casa;
  • Evite produtos com odores ativos materiais para limpeza, sachês, perfumadores e outros;
  • Não utilize umidificadores à noite no quarto de dormir. Esse aparelho aumenta a umidade no recinto e favorece a proliferação de ácaros. 

Manter cuidados pessoais com a saúde também podem te ajudar a controlar a doença.:

  • Esteja em dia com as vacinas preventivas para a gripe e outras que sejam necessárias;
  • Mantenha uma alimentação balanceada e saudável (frutas, legumes, proteínas);
  • Pratique atividades Físicas, como caminhadas ou esportes aeróbicos;
  • Mantenha consultas periódicas com o seu especialista em asma.

E lembre-se: as principais causas para o descontrole da asma são má aderência ao tratamento e uso inadequado dos dispositivos inalatórios. Quando o paciente suspende o medicamento por conta própria ou não o está usando da forma adequada, corre risco de desencadear novas crises. Portanto, é fundamental seguir as orientações do seu médico, tirar dúvidas em relação ao uso do medicamento e sempre estar como seu plano de emergência.

Gostou das nossas dicas?

Então confira também orientações na hora de praticar exercícios Asma: dicas e precauções para praticar exercícios

 

 

 

 

 

Referências:
https://sbpt.org.br/portal/publico-geral/asma-informacoes-sbpt/
http://www.saude.campinas.sp.gov.br/sua_saude/cuidados/como_prevenir_a_asma.pdf
http://asbai.org.br/orientacoes-para-o-bom-tratamento-da-asma/
BR-10929. Material destinado a pacientes. Nov/2020
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.