Diabetes: saiba por que é importante cuidar da saúde do seu coração

Se você tem diabetes já deve saber o quanto é importante controlar a sua glicemia com exercícios físicos, alimentação e hábitos saudáveis, certo? Mas você já parou para pensar o quanto e como essa condição pode afetar a saúde do seu coração?
Fica tranquilo que, nesse post, o FazBem traz tudo o que você precisa saber sobre esse assunto. Acontece que o diabetes resulta em alguns fatores que podem aumentar o risco de infarto e AVC.

O metabolismo do diabetes resulta em partículas de gordura que são tóxicas para a parede da artéria. Quando essas partículas são absorvidas, elas acabam matando essas células, o que resulta nas placas de gorduras que colocam a saúde do seu coração em risco.

As plaquetas são as células responsáveis pela formação de coágulos no sangue. Em pessoas que têm diabetes, essas células são mais aderentes o que aumenta a probabilidade de obstrução da parede interna da artéria.

O conjunto desses fatores criam uma situação muito estimulante para a formação de coágulos que podem resultar em um infarto (obstrução das artérias coronárias) ou derrame (obstrução das artérias cerebrais).

Suas atitudes fazem toda a diferença na prevenção das complicações que o diabetes pode trazer para a saúde do seu coração. Alterações no estilo de vida como praticar atividade física, deixar de fumar, se alimentar de maneira saudável e perder peso (se necessário), contribuem para a redução de fatores de risco para doenças cardiovasculares e ainda são fundamentais para o tratamento do diabetes.

Uma das complicações do diabetes é a neuropatia autonômica, que afeta o sistema nervoso e faz com que as pessoas sintam menos dor. Essa situação pode mascarar os sinais clássicos do infarto como a dor forte no peito e braços.

Para algumas pessoas com diabetes, os sintomas podem vir na forma de falta de ar sem explicação, sensação de mal estar com sudorese, náuseas e vômitos, desmaios e até mesmo uma descompensação do controle da glicose sem explicação.

No geral, quando aparecerem sintomas estranhos repentinamente, procure ajuda imediata em uma unidade médica de emergência. Além de acompanhar o diabetes, mantenha consultas de rotina com um cardiologista, converse sobre a sua condição e fique de olho na saúde do seu
coração.

 

 

 

Referências:
Standards of Medical Care in Diabetes-2017: Summary of Revisions. Diabetes care. 2017;40(Suppl 1):S4-S5.
www.drauziovarella.uol.com.br/doencas-cronicas/diabetes/por-que-diabetes-aumenta-risco-dedoencas-cardiovasculares/
Acessado em 09/03/2020
www.diabetes.org.br/publico/tribuna-livre/1712-dia-mundial-do-coracao-pessoas-com-diabetes-tem-odobro-de-risco-para-infarto-agudo-do-miocardio
Acessado em 09/03/2020
Imagem: Freepik

Icons by The Noun Project

BR-7985 – Abril/20 – Material destinado a pacientes

Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.