Pode até pular a fogueira, só não pode esquecer do seu estômago. Cuidados com a alimentação.

Essa época do ano vem acompanhada das comemorações recheadas de comidas típicas de festa junina, porém, para aqueles que possuem problemas gástricos, surge uma preocupação extra, os cuidados com a alimentação.

Podemos concordar que é irresistível estar em uma festa com pé de moleque, maçã do amor, pamonha, bolo, milho cozido, quentão, cachorro-quente, canjica, arroz doce, curau de milho e muitas outras delícias. Mas, se você tem gastrite, precisa ficar atento a sua alimentação, para não prejudicar a saúde do seu estômago.²

 

O que é gastrite e o que piora os sintomas?

A gastrite é uma inflamação que atinge os revestimentos do estômago. Podendo ser aguda, com crises pontuais ou crônicas, quando os sintomas se estendem por meses ou até mesmo anos. ¹

Os principais sintomas dessa condição são a azia, indigestão, dores abdominais e a sensação de estufamento do estômago. Sendo que a alimentação inadequada é a grande responsável pelo agravamento dos sintomas e piora da inflamação.¹

Por isso, se você tem gastrite, veja aqui alguns dos alimentos que precisam ser evitados, tanto para controlar os sintomas quanto para controlar a sua situação. ¹

A alimentação saudável e o controle do estresse são a chave para se manter bem. O recomendado é que você se alimente da forma mais natural possível, evitando alimentos irritantes para o estômago e observando as suas reações individuais a determinados alimentos. ³

Se você sofre com gastrite, precisa se cuidar não apenas durante os festejos juninos, mas sim durante todo o ano. Evite: café, chá mate, chocolate, refrigerante, consumo elevado de sal, enlatados, embutidos, bebidas alcoólicas e quentes, pimenta-do-reino, leite e derivados, frituras e gorduras em excesso.

Saiba mais sobre esses alimentos e bebidas abaixo:

O sal em excesso é um potente agressor do estômago, ou seja, alimentos muito salgados – além de enlatados e embutidos – são contraindicados.³

A pimenta-do-reino, por exemplo, é responsável por aumentar a secreção ácida presente no estômago, causando efeitos negativos e prejudiciais para tratamento de gastrite e úlceras estomacais. ³

Já o leite, muito conhecido por aliviar temporariamente os sintomas da gastrite por reduzir a acidez estomacal, pode ser outro alimento prejudicial. Pois é muito rico em proteínas, o que acaba por estimular ainda mais a secreção ácida do estômago, piorando os sintomas. ³

A cafeína diferente do que se pensa, não está presente apenas no café, mas também em refrigerantes a base de cola e em alguns tipos de chá, como o mate e o preto.¹

Já as bebidas alcoólicas, agridem diretamente as células estomacais, aumentando o estresse oxidativo, o que piora os sintomas e podem ser prejudiciais em todas as situações.¹,3

Já as frituras e os embutidos, possuem uma grande quantidade de corantes e conservantes em sua composição, e a fritura, possui uma alta quantidade de gordura, que piora a inflamação do estômago. Sendo assim, fique longe do pastel.³

É possível aproveitar as festas de São João mesmo com gastrite?

Claro que é possível! Basta evitar os excessos e seguir algumas dicas simples para não haver a necessidade de grandes restrições alimentares. ²

Tenha cuidado que precisa com o excesso de gordura. A pipoca, por exemplo, é rica em fibras, mas é importante se atentar a como ela foi preparada. Normalmente, com uma quantidade excessiva de gordura. Uma alternativa é evitar ou preparar esses alimentos com um mínimo de óleo. ²

Outra dica essencial é fugir dos pratos picantes ou preparados com temperos artificiais, dê preferência para os alimentos mais saudáveis, como por exemplo, o milho cozido, sem exagerar no sal. ²

A temperatura do alimento também é outro fator que agrava a gastrite. Evite alimentos e bebidas extremamente quentes, muito consumidos nas festas juninas. Eles também podem atrapalhar a digestão. O ideal é esperar esfriar um pouco e depois consumir, ok? ²

Ela também esclarece que é essencial evitar o consumo de bebidas alcoólicas, que são altamente agressivas com a mucosa estomacal. Além disso, as bebidas gaseificadas também devem ser evitadas porque aumentam a pressão de ar dentro do estômago. Para quem sofre de refluxo crônico é recomendado também fugir dos líquidos fermentados, como cerveja e vinho, pois aumenta a produção do suco gástrico, piorando os sintomas do refluxo. ²

A maior dica que podemos dar é: mude a receita para poder aproveitar as comidas típicas sem sofrer com os desconfortos da doença.²

Substitua o leite integral normal pelo desnatado, o açúcar refinado por adoçantes naturais como mel, açúcar de coco ou açúcar mascavo, por exemplo. ²

Essa é uma orientação válida, não apenas para as festas juninas, mas sim para qualquer outra comemoração que você vá. ²

Agora que você já sabe mais sobre a gastrite e como evitá-la durante os festejos, você pode aproveitar a melhor época do ano usando todas as dicas deixadas aqui!

 

Referências:
1- Equipe de redação da SPDM. Alimentos que pioram a gastrite. Associação Paulista Para o Desenvolvimento da Medicina. 23 de Fev de 2018.
Disponível em: https://www.spdm.org.br/saude/noticias/item/2887-alimentos-que-pioram-a-gastrite
Acesso em: 21 jun 2022.
2- Equipe de redação do Centro de Refluxo.  Mesmo com refluxo, dá para curtir as delícias juninas sem medo. Centro de Refluxo. 27 de Jun de 2021. Disponível em:
https://www.centroderefluxobr.com/post/mesmo-com-refluxo-d%C3%A1-para-curtir-as-del%C3%ADcias-juninas-sem-medo
Acesso em: 21 jun 2022.
 
3- Equipe de redação do Hospital Sirio Libanes. Gastrite: aprenda a tratar com alimentação e modificação do estilo de vida. Hospital Sirio Libanes.org. 14 Jan 2019. Disponível em:https://hospitalsiriolibanes.org.br/imprensa/gastrite-aprenda-a-tratar-com-alimentacao-e-modificacao-do-estilo-de-vida
Acesso em: 21 jun 2022.
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.