Tal pai, tal filho: problemas cardíacos são genéticos?

Se você tem algum problema cardíaco, já deve ter se feito a pergunta se herdou isso de algum familiar e se pode passar esse problema para seus filhos. Algumas doenças cardíacas podem, sim, ser uma herança de família. A notícia boa é que, conhecendo o histórico familiar, é possível evitar complicações e conviver com essa condição com bem-estar e qualidade de vida.

Cada célula do seu corpo carrega genes, que são as informações que o tornam único. Cada pessoa tem entre 20 e 25 mil genes diferentes herdados dos pais biológicos que afetam a nossa aparência e o funcionamento do nosso organismo.

Os genes controlam todos os aspectos do sistema cardiovascular, desde a força dos vasos sanguíneos até a maneira como as células do coração se comunicam. Uma variação genética (mutação) em um único gene pode afetar a probabilidade de desenvolver não apenas doenças cardíacas, mas inúmeras outras enfermidades.

Assim, da mesma maneira que seu filho pode ter os olhos parecidos com os seus, se você tiver um gene que determina um problema cardíaco, há uma chance de 50% de você transmiti-lo a ele.

As condições cardíacas herdadas mais comuns são cardiomiopatias e canalopatias.

- Cardiomiopatia hipertrófica;
- Cardiomiopatia dilatada;
- Cardiomiopatia arritmogênica do ventrículo direito.

- Síndrome do QT longo (SQTL);
- Síndrome de brugada;
- Taquicardia ventricular polimórfica catecolaminérgica (TVPC);
- Defeito progressivo de condução cardíaca (PCCD).

- Hipercolesterolemia familiar (HF)
- Níveis muito altos de colesterol.

Se você tem um problema cardiovascular que pode ser hereditário e está preocupado com os seus filhos, converse com o seu cardiologista. Ele pode tirar todas suas dúvidas e informar se há a necessidade de seus filhos procurarem atendimento médico preventivo.

Além disso, incentive uma vida em família mais saudável, com uma rotina de atividades físicas e alimentação balanceada. Esse já é um passo super importante para a saúde do seu coração e do seu filho.

 

 

 
Referências:
www.ottawaheart.ca/heart-condition
www.bhf.org.uk/informationsupport/conditions/inherited-heart-conditions 
www.ipaseal.al.gov.br/aviso/item/1990-voce-sabe-a-diferenca-entre-doenca-hereditaria-e-generica 
https://dx.doi.org/10.5935/abc.20180130 
Icons by The Noun Project
BR-9267. Material destinado a pacientes. Jul/2020
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.