Tenho câncer de pulmão e agora?

Se você acabou de ser diagnosticado com câncer de pulmão, saiba que existem novas perspectivas e opções de tratamento que avançaram muito nos últimos anos. Por isso, não se desespere! O FazBem listou algumas opções, vantagens, desvantagens e dicas que você pode discutir com o seu médico.

-Cirurgia:

É indicada para tumores no estágio inicial, que representam cerca de 30% dos casos. Aqui, o cirurgião tem o objetivo de retirar todo o tumor na cirurgia.

                              

-Radioterapia:

Tratamento que utiliza a radiação para controlar a doença no local onde é administrada. Ela mata ou impede que as células do tumor cresçam. Seu médico pode ter dois principais motivos para propor essa modalidade terapêutica: prevenir que a doença volte no local (objetivo de curar o câncer) ou tentar controlar sintomas da doença em determinado local (objetivo de controlar o câncer naquele local).

Normalmente, o tratamento radioterápico dura algumas semanas e as aplicações da radiação são rápidas e indolores.

                            

-Quimioterapia:

A quimioterapia é o tratamento administrado por via intravenosa com o objetivo de parar o crescimento das células do tumor e/ou eliminá-las. Semelhante à radioterapia, esse tratamento tem também dois objetivos principais: prevenir que a doença volte (objetivo de curar o câncer) e tentar controlar/ parar o crescimento da doença em fase avançada (objetivo de controlar o câncer).

O termo quimioterapia é genérico, ou seja, vários medicamentos diferentes são chamados de quimioterápicos e cada um deles pode ter efeitos colaterais diferentes.

                           

-Pergunte também sobre alguns tratamentos mais recentes e inovadores:


Drogas alvo

São medicamentos inteligentes de última geração. Nos últimos anos surgiram algumas classes medicamentosas que, atualmente, fazem parte das opções de tratamento de determinados subtipos de câncer de pulmão. No Brasil, os inibidores da tirosina quinase de EGFR e os inibidores do gene ALK estão aprovados pela ANVISA.

Imunoterapia

A imunoterapia tem revolucionado o tratamento de diversos tipos de câncer, inclusive o câncer de pulmão. O conceito da imuno-oncologia é fácil de entender – usamos o nosso sistema imunológico para combater a doença.

  1. Instituto Oncoguia;
  2. Instituto Nacional do Câncer;

 

Referências:
Groome PA, Bolejack V, Crowley JJ, Kennedy C, Krasnik M, Sobin LH, et al. The IASLC Lung Cancer Staging Project: validation of the proposals for revision of the T, N, and M descriptors and consequent stage groupings in the forthcoming (seventh) edition of the TNM classification of malignant tumours. Journal of thoracic oncology : official publication of the International Association for the Study of Lung Cancer. 2007;2(8):694-705.
Imagem: Pexels
Icons by The Noun Project

 BR-4576 Expiration Date: 19/11/2020
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.