Você já ouviu falar em Aterosclerose?

Em âmbito global, a Aterosclerose é a principal causa de mortes pelo mundo. Dados da Academia Nacional de Medicina apontam que 4,4 milhões de pessoas morrem anualmente em decorrência das complicações dessa doença, que apresenta desenvolvimento lento e sintomas apenas nos estágios mais avançados. Por isso, a prevenção e o cuidado durante o tratamento são tão importantes.

Apesar do nome complicado, a Aterosclerose nada mais é do que o acúmulo de gordura nas paredes das artérias, o que diminui a passagem do sangue, impedindo que as células recebam o oxigênio e outras substâncias necessárias para que elas funcionem bem.

Confira alguns fatores que aumentam o risco do diagnóstico de Aterosclerose:

Geralmente, você não vai perceber a Aterosclerose por meio de sintomas, já que eles costumam aparecer apenas quando as placas de gordura se rompem ou crescem demasiadamente, o que dificulta a passagem de sangue. Quando isso acontece, os sintomas variam de acordo com o local em que a doença se manifesta:

Membros inferiores: dor para caminhar ou mesmo em repouso, além do surgimento de feridas.

Artérias coronárias (do coração): dor cardíaca durante algum esforço - angina de peito - na evolução crônica ou o infarto na evolução aguda.

Artérias carótidas: o acidente vascular cerebral ( AVC ) pode ser o primeiro sintoma da doença obstrutiva carotídea. Desmaios e tonturas também são sintomas transitórios.

 Artérias viscerais: pode causar diarreia, náusea e perda de peso.

 Artérias renais: pode causar pressão alta de difícil controle e insuficiência renal.

Melhor do que tratar ou esperar pelos sintomas, é evitar o aparecimento da Aterosclerose. Isso pode ser feito com mudanças nos seus hábitos e comportamentos como manter uma dieta alimentar equilibrada, não fumar, evitar sobrepeso e obesidade, além de praticar atividades físicas regularmente.

Caso você já tenha diagnóstico de dislipidemia, hipertensão, obesidade, diabetes, o acompanhamento desses quadros e o tratamento estabelecidos pelo seu médico também farão parte da prevenção da Aterosclerose.

Continue cuidando da saúde do seu coração e mantenha hábitos saudáveis para ter mais qualidade de vida e bem estar. Quer contar ainda mais com a ajuda do FazBem? Clique aqui e faça o seu cadastro no programa!

 

 

 

Referências:
https://www.sbacv.org.br/artigos/medicos/Aterosclerose
https://www.endocrino.org.br/o-que-e-Aterosclerose-e-dislipidemia/
https://www.ladoaladopelavida.org.br/Aterosclerose-o-que-e-doencas-cardiovasculares
http://www.anm.org.br/conteudo_view.asp?id=2392&descricao=ATEROSCLEROSE:+O+QUE+%C3%89,+COMO+PREVENIR
https://www.heart.org/-/media/files/health-topics/cholesterol/cccc_my-cholesterol-guide.pdf?la=en
Arq. Bras. Cardiol. vol.90 no.4 São Paulo Apr. 2008
Icons by The Noun Project
BR- 9714. Material destinado a pacientes. Ago/2020
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.