Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo

alcoolismo_diabanner_alcoolismo

Dia 18 de fevereiro é o Dia Nacional de Combate ao Alcoolismo, uma data muito importante para lembrarmos dos efeitos negativos que o álcool pode deixar em nosso corpo. 

Esse é um assunto que pode ser um tabu para muitas pessoas, mas é preciso falar sobre ele. Afinal, o álcool em excesso pode se tornar um problema, inclusive causando dependência.  

Esse texto foi pensando exatamente para falarmos mais sobre o alcoolismo e os seus efeitos negativos no corpo!

O que é o alcoolismo?

É a vontade incontrolável de beber ou falta de controle quando tentar parar com a ingestão de álcool. Também pode ser caracterizado pela dependência física, causando sintomas por abstinência, que podem afetar o corpo e a mente. 1

O alcoolismo é considerado uma doença pela Organização Mundial da Saúde (OMS), isso porque seu consumo descontrolado causa consequências irreversíveis, seja no próprio individuo ou nas pessoas ao seu redor. 2

Ainda de acordo com a OMS, o álcool é prejudicial em vários aspectos, ou seja, não existe um consumo livre de riscos. Porém o problema se torna ainda maior quando o álcool tem um papel de destaque na vida da pessoa, podendo ser um grande sinal de dependência. 3

[imagem]

10% da população brasileira sofre com alcoolismo

os homens são 70% dos casos e as mulheres os outros 30%.

Existe uma predisposição genética para o alcoolismo, porém outros fatores que devem ser levados em conta são: ansiedade, angústia, insegurança, fácil acesso ao álcool, problemas pessoais, condições culturais e falta de controle com as suas emoções. 2

Como o álcool afeta o seu corpo?

O fígado tem um papel importante no nosso copo porque é ele que elimina as toxinas do organismo. Por isso, quanto mais álcool no corpo, mais o fígado vai trabalhar e isso pode prejudicar o metabolismo, já que ele desvia sua função para essa “urgência”. 4

O rim também é fortemente prejudicado. O álcool atrapalha a função diurética, então, o rim não consegue concentrar a urina e o corpo acaba perdendo mais água que o normal, podendo causar desidratação. 4

Além disso, o álcool acelera o metabolismo, aumenta a pressão arterial, fazendo o corpo suar mais que o normal e perder os sais minerais. Fique ligado: não ficar bêbado não significa que o corpo não está recebendo os efeitos do álcool, esses efeitos ainda estão acontecendo no organismo. O alcoolismo é considerado uma doença crônica, por isso os sintomas podem aparecer muito depois, quando a doença já está avançada.4

O álcool ainda pode afetar o sistema nervoso central, causando sonolência, perda de memória e perda de reflexo, liberar adrenalina, acelerando o sangue do coração e os batimentos cardíacos e pode causar gastrite, esofagite, diarreia, inflamação crônica, hepatite alcoólica, cirrose e câncer. 5

Quais os sinais do alcoolismo?

Como dito antes, os sintomas podem demorar para aparecer, mas é possível entendê-los com as seguintes perguntas: 2

  • Você já sentiu que deveria diminuir a quantidade de álcool que bebe?
  • Você se irrita quando falam do seu hábito de beber?
  • Você se sente culpado por beber ou pela quantidade que bebe?
  • Você toma bebida alcoólica pela manhã?

Se apenas uma dessas respostas for sim, isso pode ser um sinal de alerta para procurar ajuda quanto antes. 2

Apoio e tratamento

Para o tratamento, é muito importante que a pessoa reconheça que realmente é um dependente do álcool. Depois, é importante procurar um médico, entender a gravidade e, caso necessário, ser encaminhado para um psicólogo ou psiquiatra para avaliar as possibilidades de tratamento:

  • Desintoxicação e retirada da bebida com acompanhamento profissional;
  • Medicamentos de controle do desejo;
  • Aconselhamento individual;
  • Grupos de apoio.

O apoio da família, amigos e de grupos é muito importante durante todo esse processo de tratamento.

É uma forma da pessoa entender que ela não está sozinha e que tem suporte sempre que precisar, além de ser importante para momentos de recaídas ou crises de abstinência, caso aconteçam.

Vamos, juntos, combater essa doença e melhorar os índices de prejuízos a saúde por causa da bebida alcoólica.

O FazBem está aqui para ajudar você em todos os momentos e esse é um deles! Fique por dentro de outros conteúdos sobre saúde e bem-estar aqui em nosso blog.

CTA: Acesse o blog!

 

Referências:
BR-16470. Material destinado a todos os públicos. Jan/2022
Os comentários estão fechados
Política de Cookies

Esse Website utiliza política de cookies para oferecer uma melhor experiência para o usuário.

Utilizando esse website você permite o uso desses cookies.

Descubra mais sobre como nós utilizamos e gerenciamos cookies lendo nossa Política de Cookies.